Criado na Jamaica, o Reggae ganhou o mundo com as canções de liberdade de Bob Marley. Porém, nesta nesta quarta-feira (29), o ritmo musical, considerado por muitos um estilo de vida, entrou para a lista de Patrimônio Cultural Imaterial da Unesco.

O site da organização destaca o fato do Reggae ter surgido em um espaço cultural de grupos marginalizado, nos subúrbios da capital Kingston. Além disso, a Unesco falou sobre o poder de comunicação do estilo, que promove a igualdade, amor, natureza e combate opressões.

“Sua contribuição para o discurso internacional sobre questões de injustiça, resistência, amor e humanidade ressalta sua dinâmica de ser ao mesmo tempo cerebral, sócio-político, sensual e espiritual”, escreveu a organização.



Outras notícias