O sonho europeu do PSG sucumbiu diante de um gigante. Sem Neymar, seu principal craque, o Paris recebeu o Real Madrid no Parque dos Príncipes na tarde desta terça-feira e perdeu por 2 a 1. No jogo de ida, os merengues venceram por 3 a 1 na Espanha. O time parisiense está fora da Liga dos Campeões. E, 51 jogos depois, perdeu em casa. Os espanhóis, por sua vez, seguem à busca do quarto título em cinco anos. E estão nas quartas de final pela oitava vez seguida. 

 

DOMÍNIO MERENGUE

O PSG terminou a partida com oito finalizações contra 21 do Real Madrid. Menos que o dobro do rival. E precisava vencer por 2 a 0 para avançar. A estatística evidencia o que foi o jogo. O time merengue foi mais incisivo, organizado e controlou o jogo. Na primeira etapa, Sergio Ramos e Benzema foram os autores das melhores chances. Pelo lado mandante, pouca criatividade. Na segunda etapa, o domínio merengue ficou ainda maior.

Com bela cabeçada da direita, Cristiano Ronaldo abriu o caminho para a vitória espanhola, aos cinco minutos. Aos 21 minutos, Verratti se irritou com uma falta não marcada e levou seu segundo amarelo. Foi expulso. O caminho estava livre para a classificação merengue. Cavani, com um gol de joelho depois de bola rebatida na área, reacendeu um pouco as esperanças francesas. No entanto, aos 34, Casemiro acertou chute da entrada da área e fez o segundo do Real: 2 a 1.



Outras notícias