Pela segunda vez em pouco tempo, uma banda do primeiro escalão do rock enfrentou o problema de ver os seus vocalistas perdendo a voz e se viram obrigadas a adiar algumas apresentações. Agora foi a vez dos Foo Fighters terem que lidar com a questão, pouco depois do U2 - que precisou interromper um concerto no sábado (1) por essa razão.

Dave Grohl, ficou afônico logo depois de um concerto em Seattle, também ocorrido no dia 1°. O músico está repousando suas cordas vocais e cumprirá as datas que estavam agendadas para hoje (4) em Edmonton e quinta (6) em Calgary, ambas no Canadá, nos dias 22 e 23 de outubro. O show de sábado (8) em Vancouver está mantido.

Grohl brincou com a situação e fez piada com a coincidência de ter ficado impossibilitado de cantar no mesmo dia que Bono, dizendo que essa era a última vez em que ele "ficava" com o vocalista.



Outras notícias