Enquanto alguns torcedores aguardavam a chegada da delegação brasileira em Moscou, na Rússia, o mascote mais querido na história da seleção, o ‘Canarinho Pistola’, tentou animar a galera, mas parece que os seguranças não gostaram nada disso.

Os responsáveis por organizar a entrada da Seleção no hotel fizeram duas barreiras, uma para os torcedores e outra para os jornalistas. No meio, havia uma área livre para a passagem dos atletas. O Canarinho chegou ao local e começou a fazer festa justamente no local reservado. Sem conhecer a mascote, os seguranças acharam que era simplesmente um brasileiro fantasiado. Ela acabou 'preso'. Logo depois, porém, tudo se resolveu e ela foi liberada para continuar festejando. 

 



Outras notícias

WhatsApp