O astro do K-Pop, Jung Joon-young, foi preso após ser acusado de filmar e compartilhar vídeos e fotos de mulheres fazendo sexo sem o seu consentimento.

O artista se apresentou ontem (21), em uma audiência no qual confessou ter feito as fotos e vídeos e depois compartilhado em grupos de mensagens. Logo em seguida foi preso pela polícia sul-coreana.

"Eu realmente sinto muito. Eu admito todas as acusações contra mim. Não vou contestar as acusações apresentadas pela agência de investigação e aceitarei humildemente a decisão do tribunal. Eu abaixei minha cabeça em desculpas para as mulheres que foram vitimadas por minhas ações", segundo informações do CNN, foram essas as palavras que ele utilizou.

Yong Jun-hyung e Lee Jong-hyun também estão sendo investigados, segundo a revista People.



Outras notícias

WhatsApp